L1 News
Por em 28/02/2019 às 18:09

Tribunal proíbe que procuradoria de Novo Gama defenda Sônia Chaves

Prefeita é acusada de prática recorrente de nepotismo.

O Tribunal de Justiça de Goiás suspendeu decisão que havia autorizado a prefeita de Novo Gama, Sônia Chaves de Freitas Carvalho Nascimento, a ser defendida pela Procuradoria Jurídica do município em ação de improbidade administrativa. A denúncia foi realizada pela promotora Tarsila Costa Guimarães.

Na ação, Sônia Chaves é acusada da prática recorrente de nepotismo, ao empregar parentes de apadrinhados e apoiadores políticos com dinheiro público. Na visão da promotora, a Procuradoria de Novo Gama não pode defender a prefeita, pois este caso vai na contra mão dos interesses do município.

Em julho de 2018, quando foi denunciada por nepotismo, Sônia Chaves apresentou a Procuradoria Jurídica do município como sua defesa. A promotora Tarsila intimou a prefeita a apresentar um advogado particular. Na ocasião, juízo da 2ª Vara Cível e das Fazendas Públicas de Novo Gama chegou a determinar que a prefeita regularizasse sua representação processual, porém, voltou atrás logo depois.

Após examinar o pedido do MP-GO, o desembargador relator Jairo Ferreira Júnior concordou com os argumentos e determinou a suspensão da defesa. Sônia Chaves terá que apresentar um advogado particular.

Com informações do MP-GO.

Uma resposta para “Tribunal proíbe que procuradoria de Novo Gama defenda Sônia Chaves”

  1. selma gurgel disse:

    Existe outras
    situações tão grave quanto esta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *